20.2.20

Maria e João: O Conto das Bruxas

Maria e João: O Conto das Bruxas || Estreia em 20 de fevereiro de 2020
Crítica: Lucas Pereira


Contos de fadas são uma das bases do cinema. Existem produções baseadas nestas histórias desde a primeira metade do século 20, tanto animada (Branca de Neve) quanto ao vivo (Mágico de Oz), e mesmo em 2020 nós ainda temos muitos filmes baseados nestas clássicas histórias. Maria e João, de Oz Perkins, é mais um para a lista, tomando a famosa história e lhe dando uma vida nova. Ao invés de ser uma história simples sobre duas crianças que chegam em uma casa de doce, Maria e João têm um foco diferente, querendo criar uma história focada na personagem de Maria e tentar dar uma mensagem diferente.

O início do filme é o mesmo do conto: Duas crianças são expulsas de casa por falta de comida e acabam tendo que cuidar de si mesmas. Os detalhes de cada adaptação mudam sempre, e desta vez eles entram na floresta à procura de um outro povo que pode cuidar deles. No caminho, com fome, elas são atraídas por uma casa no meio do caminho habitada por uma bruxa que começa a alimentá-los. Um detalhe importante, que diferencia esta produção, é o fato de Maria ter tido, desde a sua infância, a habilidade de ver espíritos. Ao mesmo tempo que isso faz as pessoas terem medo dela, ela sente que está destinada a algo grande. Destino que acaba fazendo parte do desenrolar da história, graças à relação dela com a bruxa.

Maria e João tenta muito trazer novos temas e ideias para o conto, como elementos lidando com feminismo e problemas mentais. Porém, o problema vem de uma falta de coesão entre toda a história. Todas essas ideias acabam ficando grudadas em uma história que tenta tanto ser inteligente, que no fim só é estranha e em certos momentos maçante. Mesmo com a ótima atuação de Sophia Lillis (It) e Alice Krige (Star Trek), Maria e João acaba sendo uma tentativa de dar uma vida nova ao conto que dá errado. Ele têm elementos de um filme muito melhor, mas que no final acaba não funcionando.

Postar um comentário

últimas resenhas e críticas

Acompanhe no Instagram

© Seja Cult. Design by FCD.