4.2.20

A Chance de Fahim

A Chance de Fahim || Estreia em 6 de fevereiro de 2020
Crítica: Helen Nice

"Não se aprende generosidade em livros!"

Baseado em uma história real, "A chance de Fahim" é dirigido por Pierre- François Martin- Laval e conta a história do garoto Fahim Mohammad (Assa Ahmed), que vive com a família em Bangladesh em condições precárias, convivendo com a pobreza extrema. Excelente enxadrista, o garoto ganha pequenas apostas nas ruas movimentadas da cidade e nos mercados locais e assim consegue algum dinheiro, que guarda para realizar seu grande sonho. Fahim quer viajar e conhecer um grande treinador que lhe ajude em sua carreira.

A ilusão da cidade luz, perfeita aos olhos dos turistas, é também o sonho do pequeno Fahim. Porém, devido à ameaças à vida de seu pai, os dois precisam fugir às pressas para Paris com poucos recursos e jogados à própria sorte. Viajam na esperança de conseguir asilo político. Na França conhecem o treinador de xadrez Sylvain Charpentier (Gérard Depardieu), um homem rígido, cheio de manias, com o mínimo jeito no trato com crianças. Mas ele será a única chance de ajuda para Fahim. Inicialmente rejeitado pelas autoridades francesas, o garoto Farim se destaca no Clube de Xadrez de Creteil. A relação de amizade entre Sylvain e Fahim se estreita, porém para permanecer na França o garoto precisa ser campeão nacional.

O filme tem uma temática bem atual, na medida que mostra as dificuldades que enfrentam os imigrantes ilegais e sua adaptação aos novos hábitos, cultura, língua e o preconceito com o diferente. A imensa diferença cultural na sociedade ocidental é muito bem explorada na convivência de Fahim com as outras crianças e na necessidade de aprender a nova língua para não ser passado para trás. Bem hilário ver como o pai de Fahim encara a necessidade de ser pontual, diferente do costume em sua cultura. Viver em um abrigo para imigrantes e sonhar colorido como em filme de Bollywood. O filme é uma lição de persistência e determinação.

Postar um comentário

últimas resenhas e críticas

Acompanhe no Instagram

© Seja Cult. Design by FCD.