Slider

Ted Bundy - A Irresistível Face do Mal

25.7.19

Ted Bundy - A Irresistível Face do Mal || Estreia em 25 de julho de 2019
Crítica: Bárbara Ellen


Hoje estreia o filme que conta a história do notório assassino Ted Bundy. Ted ficou conhecido nos Estados Unidos por assassinar brutalmente várias mulheres e uma menina em vários estados americanos. Cursava direito e aproveitava do fato de ser extremamente bonito para enganar suas vítimas. Na época dos assassinatos, na década de 1970, a polícia ainda não tinha um sistema de comunicação com outros estados, por isso ele ficou por tanto tempo cometendo crimes sem ser descoberto. Ao todo foram confirmadas 36 mulheres vítimas de sua crueldade. Muitos dos crimes foram praticados utilizando o próprio carro, um fusca Volkswagen.

Ao tentar sequestrar uma jovem no estacionamento de um supermercado, não conseguiu impedir que ela fugisse e foi aí que a polícia começou a investigar. O filme estrelado por Zac Efron,Ted Bundy, e Lilly Collins, como Liz (antiga namorada de Ted), nos traz um outro olhar sobre essa história. Nos mostra como ele fazia para conquistar as pessoas e o quanto ele usava de sua beleza para enganar a todos. Não foca tanto nos assassinatos, o que é um ponto positivo para as pessoas que são sensíveis a esse tipo de conteúdo, e é bem diferente da série da Netflix (do mesmo diretor do filme), já que na série são apresentados fatos e provas a todo momento de que ele é um assassino.

O filme é fantástico para começar a conhecer a história que abalou os Estados Unidos na época. O Zac Efron atuou muito bem e realmente lembrava o serial killer nas suas feições e gestos. E é, de certa forma, emocionante, porque nos mostra o quanto Liz sofreu ao descobrir que seu namorado era um dos serial killers mais procurados pelo FBI e porque faz uma pequena homenagem às vítimas. Curiosidade: O nome do filme é uma parte do discurso feito pelo juiz no ato de sua condenação à pena de morte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Theme Designed By Hello Manhattan

Your copyright

Seja Cult - Todos os direitos reservados.