Destaques

Receba as atualizações do site por email!

20/07/2018

Para Todos os Garotos que Já Amei #1 || Jenny Han


Gente, como que vocês me deixam passar esse livro? Tanto tempo sem ler Os garotos que já amei, como assim?! Ok, eu sei que muitos de vocês amam esse livro e tem várias indicações de série fofa, série para se apaixonar, série para ler em ressaca literária e por ai vai. Acontece que eu tinha esse livro a muito tempo e apesar de adorar a autora não tinha a intenção de ler tão cedo, pelo menos não até ter a trilogia completa. Mas daí saiu o trailer do filme pela Netflix, que eu adorei, e decidi ler mesmo não tendo o último livro ainda e simplesmente amei o livro. Foi uma das coisas mais fofas e gostosas que li esse ano.

Mas como sempre estou me adiantando, então vamos do começo. Para todos os garotos que já amei fala de uma garota de 16 anos chamada Lara Jean, órfã de mãe e que mora com o pais e as duas irmãs. A mais velha está se mudando para a Escócia e agora quem vai cuidar do pai e da irmã mais nova é a Lara Jean. A nossa protagonista tem uma peculiaridade que vai fazer esse livro acontecer. Sempre que se apaixona, e foram cinco vezes, ela escreve uma carta de amor e guarda como recordação. Acontece que essas cartas são enviadas e não teria grandes problemas se um dos caras que ela se apaixonou não fosse Peter, um conhecido da escola, e Josh, o ex-namorado da irmã.
Se o amor é como uma possessão, talvez minhas cartas sejam meu exorcismo. As cartas me libertam. Ou pelo menos deveriam. 

O livro é narrado pela Lara, que é uma menina praticamente, nunca ficou com nenhum garoto mas já se apaixonou por cinco. Com a leitura a gente percebe que a Lara tem muito medo do amor, de como isso altera a dinâmica que ela tem em casa de cuidar do pai e da irmã. Namorar depende disponibilidade, sair à noite e deixar o pai tomando conta da própria vida, coisa que as irmãs fazem por ele depois que a mãe morreu. O envio das cartas fará com que ela repense as suas decisões e seja mais corajosa, assuma o controle de suas emoções e não se esconda nas obrigações de casa, por assim dizer.

Esse processo de amadurecimento da Lara vai acontecer quando ela confrontar o que sente por Josh. Ela não admite a possibilidade de gostar do ex-namorado da irmã, até porque isso acontece quando os dois ainda estavam namorando. Agora que a irmã foi embora e Josh lê a carta, fica no ar essa possibilidade. Para afastar isso, a Lara simula um namoro com Peter, o colega de escola que ela gostou muitos anos atrás. Ele tem motivos para querer esse namoro falso, mas com a convivência, um mostrando para o outro lados que antes escondiam, a Lara vai gostar do Peter também. Com quem será que ela fica?
Pertencer a alguém... Eu não tinha percebido, mas, agora que estou pensando no assunto, parece que é tudo o que sempre quis. Ser de alguém de verdade, e que essa pessoa fosse minha.

Eu me vi envolvida com o livro desde o começo da narrativa. Foi uma leitura que eu fiz de um sábado até segunda pela manhã, bem rapidinha. A estória é gostosa, você se envolve com os problemas da Lara Jean e torce por ela, para que encontre o seu final feliz. Está sendo bem difícil um autor me fazer envolver com meninas jovens, tenho comentando muito isso. A minha preferência tem sido por livros em que os protagonistas são mais maduros e condizentes com a minha idade para que eu me prenda. Mas com esse livro foi diferente, ele me prendeu e só larguei quando terminei e a vontade era de correr para a continuação.

Agora eu entendo porquê vocês gostam tanto desse livro e estou mega empolgada para o filme e também para os outros livros. Depois de ter lido em revi o trailer e sim, tem algumas mudanças, mas para mim nada muito significativo. Acho que será mantido o tom fofo da estória. Fica aqui também a minha recomendação para quem não conhece Para todos os garotos que já amei, é um livro leve e apaixonante, ideal para as meninas mais jovens, mas que também consegue entreter satisfatoriamente as mais velhas. Sério, meu coração ficou quentinho depois de ter lido esse livro.
Não quero mais ter medo. Quero ser corajosa. Quero... que a vida comece a acontecer. Quero me apaixonar e quero que um garoto se apaixone por mim.
Para Todos os Garotos que Já Amei # 1
Jenny Han
Editora Intrínseca: Twitter/Facebook

Adquira o livro no seguinte link e ajude o site:
Amazon

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

últimas resenhas e críticas

© Seja Cult – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in