Destaques

Receba as atualizações do site por email!

02/02/2018

Novidades da fevereiro da Faro Editorial

Neste mês a Faro Editorial lança o penúltimo livro da saga As crônicas dos mortos, o A era dos mortos vol 1 e também Tudo o que acontece aqui dentro, do Julio Hermann.

“Amar é afogar-se com os próprios sentimentos e continuar respirando.” 

A Faro Editorial lança em fevereiro o livro de estreia de Julio Hermann, cronista no site Entre todas as coisas. “ Tudo que acontece aqui dentro ” é um livro de crônicas sobre o amor mais inocente que existe: os primeiros sentimentos. Julio escreve sobre o que sente, sem barreiras, sem jogos, sem medo de se expor. E m tempos de amores descartáveis, do desinteresse, do desapego, ele toca onde somos mais vulneráveis, naquilo que raramente é dito.

“São cartas que escrevi enquanto ainda sentia a ferida arder. Os momentos felizes e os dias em que pensei que não iria aguentar ” , revela Julio. Primeiros amores, rompimentos, alegrias, rejeição, paixão, saudades, sã o apenas alguns dos sentimentos que Julio rasga nas páginas do seu livro. De coração aberto ele coloca em voz alta o medo que temos de amar e aceitar o amor.

“Júlio consegue trazer uma visão quase inocente sobre o amor e as nossas fragilidades-que-não-são-facilmente-expostas. É um mergulho no mundo submerso dos sentimentos ora com leveza, ora com intensidade. Você encontra aqui o que sempre quis dizer a alguém — ou a si mesmo — , mas que nunca teve coragem de tirar de dentro de si. E descobre que ler sobre tudo o que você guarda aí dentro pode ser bonito e reconfortante também.” 
Daniel Bovolento Autor de Por onde andam as pessoas interessantes e Depois do Fim 

Ficha Técnica
Título: Tudo que acontece aqui dentro
Nº de págs: 196
Preço: R$34,90

Sobre o autor: 
Julio Hermann nasceu em Gramado, no Rio Grande do Sul, e quase se tornou cronista esportivo, mas a desilusão com uma derrota na Libertadores mostrou que ele não teria estômago para enfrentar muitas outras. Em 2015, começou a publicar crônicas na internet e esperava ser lido pelos amigos e algumas dezenas de pessoas, que logo se tornaram centenas, milhares e centenas de milhares depois de um tempo. Seus temas sempre são os seus amores e relacionamentos, e o que aprende com cada um deles. Mesmo com suas dúvidas, ele acredita que isto tudo é apenas o começo, e cada aprendizado nos leva a melhores possibilidades.

Ele escreve nos sites: www.juliohermann.com e www.entretodasascoisas.com.br

***

E os humanos descobrem que a pior desgraça não são os zumbis…

Décadas se passaram desde que toda a esperança de reconstruir o mundo a partir de uma base em Ilhabela foi devastada. O grande inimigo que antes vagava atrás de carne humana e sedento por sangue virou coadjuvante numa guerra ainda pior: a disputa entre os seres humanos. O perigo que agora assombra a Terra não são os mortos-vivos, mas sim os sobreviventes. E nada é mais contagioso do que a sede de poder do homem, nem mesmo uma mordida de zumbi. 

A Faro Editorial lança em fevereiro a aguardada primeira parte do desfecho da saga “As crônicas dos mortos”, do escritor Rodrigo de Oliveira. Em A era dos mortos – Parte I vamos acompanhar o pior vírus que poderia assolar a raça humana: a ambição e a sede de poder. A comunidade de sobreviventes de Ilhabela não resistiu. Depois da morte de seus fundadores, o vingativo Uriel assumiu o poder tornando-se o pior ditador que o “novo” mundo conheceu. As feras demoníacas não eram mais a única ameaça aos poucos sobreviventes.

Agora a verdadeira doença que assola a humanidade estava se alastrando novamente: os homens. Os poucos dissidentes que sobreviveram e fugiram de Ilhabela agora vivem em condições precárias e se escondem das forças de Uriel, e não imaginam que a crueldade dessa família poderia aumentar ainda mais. Pior do que aterrorizar as comunidades, o que o poder de Ilhabela fará pode decretar o fim de toda a raça humana. Uma série de pesquisas e testes em zumbis, podem transformar os zumbis na arma mais mortal de todos os tempos. E será o início de uma era de terror nunca antes imaginado, será o início da era dos mortos.

Comentários via Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

últimas resenhas e críticas

© Seja Cult – Tema desenvolvido com por Iunique - Temas.in