A Proposta #1 || Katie Ashley

11/08/2017


Eu tinha muita curiosidade em ler essa série da Katie Ashley porque A música do coração, o primeiro livro de outra série da autora, foi muito boa. Um romance com uma pegada engraçada e hot. A proposta vai falar sobre a Emma e a vontade dele em ser mãe. Ela acredita que por estar chegando aos 30, seu tempo biológico para engravidar está acabando. Na verdade, essa pressa em ser mãe é para encobrir o fato que ela quer começar uma família. A mãe faleceu tem pouco tempo, ela não tem muitos amigos, então uma criança iria suprir esse desejo de ter pessoas por perto.

Acontece que a Emma não quer ter um filho com qualquer homem. Ela queria já ter encontrado o cara certo, mas como isso não aconteceu ela parte para a inseminação. Um amigo gay doaria esperma e ela saberia que o filho não tinha chances de herdar qualquer tipo de doença. Porém, o amigo dá pra trás e a Emma fica sem saber o que fazer. Até que Aidan entra em sua vida. Os dois já se conhecem, ele deu em cima dela e ela recusou, e o Aidan acaba propondo é ser o pai do filho de Emma, contanto que eles façam esse arranjo do jeito tradicional.

Você já teve tanta morte e perda que você decidiu que quer um pouco de vida em você. 
Certo?


A sinopse pode dar a entender que o livro vai ter sexo do começo ao fim e sem um contexto. Mas eu digo uma coisa para vocês, a autora colocou bastante enredo no livro junto com a parte erótica. Claro que se tratando de fazer um filho tradicionalmente vai ter muita ação, mas também vai ter a dificuldade que algumas mulheres tem em engravidar, como lidar com a inseminação quando você não quer que o homem participe da vida da criança. A Emma passa pela fase dos 30, com os receios de não se casar e ter uma família. No caso do Aidan é quase a mesma coisa, a diferença é que ele quer passar a imagem de que não precisa de ninguém, quando precisa sim.

Os dois juntos são muito divertidos. Aliás, o que eu mais gosto nos livros dessa autora é que ela tende a deixar a aura do romance mais leve e engraçada. Nessa de fazer sexo no período fértil da Emma, com a temperatura corporal certa, a ação acaba acontecendo em lugares inusitados, o que torna a situação embaraçosa principalmente para a Emma, que é uma mulher mais tímida. O Aidan é sarcástico também, algo que eu gosto. O romance vai caminhar no começo como algo prático, apenas para gerar uma criança, mas claro que depois os dois vão perceber que são bons juntos.

Aqui esta minha proposta. Eu me ofereço para ser o pai do seu filho, e você por sua vez, promete concebê-lo comigo naturalmente.


O sexo no livro é explicito, com várias descrições, mas espero que a resenha tenha deixado claro que não é só isso. Existe uma estória e no caso da sinopse, um porquê prático: não vai ter filho se não tiver sexo. A leitura foi rápida, a escrita fluiu bem e em dois dias já tinha terminado. Eu acredito muito em tempo de leitura, em ler o livro no momento certo. Com A proposta aconteceu exatamente isso. Eu vinha de dois livros medievais, focados em guerra e ação e cai num romance tranquilo e divertido.

O livro é o primeiro de um trilogia e esse termina com o Aidan cometendo um erro e no próximo tendo que se redimir. Não vou contar mais para não dar spoiler, mas uma dica, não leiam a sinopse do segundo livro que logo na primeira frase entrega como esse terminou. Sobre o bebê, leiam para saber! E outra coisa, não levam a sério os modelos da capa, não tem nada a ver.

- Só não quebre meu coração. - ela disse suavemente. 
- Eu estou tentando o meu melhor para não fazer isto. 

www.sejacult.com.br
A Proposta # 1
Katie Ashley
Editora Pandorga: Twitter/Facebook

Adquira o livro nos seguintes links e ajude o site: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.