Um Menino Em Um Milhão || Monica Wood

30/05/2017


Um menino Em Um Milhão é um livro escrito pela autora Monica Wood, narrado em terceira pessoa e começa com Quinn, um guitarrista de meia-idade, fazendo uma visita a Ona Vitkus, uma senhora já bastante idosa, com quem seu falecido filho mantinha alguma amizade, por conta de sua participação nos escoteiros. Com a morte do garoto, Quinn passa a substituí-lo nas visitas, frequentando a casa de Ona. Ele nunca foi um marido ou pai presente, dessa forma esse é um gesto para tentar conhecer melhor o filho e terminar um de seus compromissos.

Durante a convivência de ambos, Quinn e Ona acabam criando algum vínculo. A história alterna entre o agora sem o garoto e alguns vislumbres de antes quando ele ainda estava vivo. Também temos outros personagens como a Belle, a mãe do garoto, que é ex-mulher de Quinn e os dois possuem uma relação bastante delicada por algumas mágoas guardadas. A história trata bastante sobre perdas, não só a perda do garoto, mas até mesmo de outros personagens, como Ona que perdeu um dos filhos na guerra. A obra também traz o tema da força da amizade e conexões.

Mas a verdade é a seguinte: ninguém é insubstituível nesta vida. 

A escrita da Monica é bastante delicada e ela constrói bem os detalhes. Não cheguei a me apaixonar pelo livro, infelizmente. Mas acredito que isso se deu ao fato de eu não estar no momento da história que é bastante dramática e tem os acontecimentos um pouco mais arrastados, por ser uma obra que trata mais de sentimentos. Mas é inegável que Um Menino Em Um Milhão é um livro sensível e muitíssimo bem escrito.

Quero ressaltar que o livro veio acompanhado de um conto separado, numa linda caixinha vermelha e eu fiquei encantada com o mimo da editora que se mostra sempre tão cuidadosa com os parceiros. A diagramação também está lindíssima e a capa tem uma textura meio borracha que é muito gostosinha. A editora sem dúvidas caprichou muito. Enfim, Um Menino Em Um Milhão é um livro cheio de belos ensinamentos, então leiam sim e tirem suas próprias conclusões.

Eu tinha um vazio em mim, e quando você é do tipo que tem um vazio, faz o quê? Procura alguém que o preencha. 

https://www.facebook.com/literaturadeepoca/?fref=tsUm Menino Em Um Milhão
Monica Wood
Editora Arqueiro: Twitter/Facebook

Adquira o livro nos seguintes links e ajude o site: 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.