Vida

20/04/2017

Vida || Classificação: ★★★ (Bom) || Estreou em 20 de março de 2017
Texto: Ana Marta e Murilo Maximiano || Revisão: Kamila Wozniak

“O filme Vida não é e nunca foi o novo Alien da geração atual”.


O longa narra a trama de 6 tripulantes que estão abordados em uma estação espacial em órbita da Terra, quando recebem uma amostra desconhecida de uma sonda vinda de Marte. Porém a amostra contém um ser vivo desconhecido que vai evoluindo até tornar-se uma criatura hostil e colocando a vida dos astronautas em risco. Não diria que este filme possa ser o novo Alien do diretor Ridley Scott, apenas posso dizer que Vida tem uma trama com uma abordagem e construção narrativa bem semelhante ao Alien (1979).

O próprio filme se vende como um suspense dramático mediano, nada que aprofunda demais em explicações e reflexões sobre a vida, ciência e humanidade. Apenas um filme que apresenta bem o suspense entre os tripulantes e a criatura que está abordo da estação espacial. O roteiro possui os 3 atos bem apresentados, personagens e suas personalidades são bem simples e o desfecho final não leva para algo grandioso.


Claro que terá momentos que são previsíveis, certas cenas exageram no suspense e acabam não levando a nada e o clímax do filme dá para aceitar sem fazer questionamento. Algo que é bem aceito no que foi proposto desde de início, apenas que dá para adivinhar o que vai acontecer no final. O clima de suspense dramático traz um cenário perfeito em conjunto da fotografia e a trilha sonora. Deparamos com enquadramentos bem inteligentes e que traz todo o clima de convívio entre os tripulantes; e nas situações extremas quando a criatura ataca.

Posso dizer que o antagonista, a criatura, passa desde da sua chegada à estação espacial um tom mais de agonia do que medo. Até em alguns momentos de perseguição e tentativas de sobrevivência, tem o tom de tensão. Mas não é algo que seja marcante ou que possa sair da sessão com medo que possa aparecer um alien na sua frente. No elenco temos grandes nomes de peso e internacionais – Jake Gyllenhaal, Ryan Reynolds, Rebecca Ferguson, Ariyon Bakare, Hiroyuki Sanada e Olga Dihovichnaya – porém não trazem grandes atuações marcantes. Apenas apresentando bem que o roteiro propõe.

Vida consegue trazer bem o tom de suspense acompanhado da tensão e agonia, um filme mediano na história e nada mais. Poderia ir além, mas acho que não é a ideia principal do longa.




Um comentário:

  1. Olá, tudo bem? Parece ser um ótimo filme, não conhecia. É uma pena que não seja nada demais, né?!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.