Estrelas Além do Tempo

30/01/2017

Estrelas Além do Tempo || Classificação: ★★★★ (Ótimo) || Estreia em 02 de fevereiro de 2017
Texto: Murilo Maximiano || Revisão: Kamila Wozniak

Num país onde a segregação é lei: “Até onde negros podem ir?”

O longa de Theodore Melfi responde com classe essa pergunta: até onde quiserem! A construção de Estrelas Além do Tempo mantém de maneira incrível o protagonismo nos negros num EUA extremamente racista e segregado sem a necessidade de vilanizar todo e qualquer branco que apareça. É dentro da realidade crua, mas bem equilibrada que encontramos as três incríveis personagens que dão um show sobre seguir as vontades e sonhos. Em plena Guerra Fria, Estados Unidos e União Soviética disputam a supremacia na corrida espacial ao mesmo tempo em que a sociedade norte-americana lida com uma profunda cisão racial, entre brancos e negros.

Tal situação é refletida também na NASA, onde um grupo de funcionárias negras é obrigada a trabalhar a parte. É lá que estão Katherine Johnson (Taraji P. Henson), Dorothy Vaughn (Octavia Spencer) e Mary Jackson (Janelle Monáe), grandes amigas que, além de provar sua competência dia após dia, precisam lidar com o preconceito arraigado para que consigam ascender na hierarquia da NASA. Tudo no filme funciona muito bem e equilibra cenas de superação das protagonistas com situações onde a segregação racial gera obstáculos muitas vezes intransponíveis.


Sem precisar cair no maniqueísmo, o filme debate a realidade cruel da falta de oportunidades para os negros americanos e, ainda que se passe numa época onde até os bebedouros eram separados. Dialoga com a sociedade que ainda sofre com o racismo, alertando para que avancemos e nunca caiamos em um mesmo buraco. Com cenas de arrepiar e um roteiro completamente redondo, que faz exatamente tudo que deve fazer e consegue debater tudo que precisa. Estrelas Além do Tempo faz um ótimo serviço de empoderamento: três mulheres negras que revolucionaram a NASA e tornaram verdade a ida de um homem americano ao espaço.

Esse é um daqueles longas que marcam com sua mensagem e sua realidade, é chocante como situações tão absurdas de racismo ainda dialoga com nossa sociedade. Uma história de superação com personagens incríveis, interpretadas de maneira também excelente por Taraji, Octavia e Janelle, com certeza é algo que merece e precisa ser visto.



Um comentário:

  1. Oie Denise =)

    Estou doida para assistir a esse filme *-*
    Adoro filmes e livros baseados em fatos reais e só de saber a história toca em um pontos tão delicados de nossa sociedade. Fico ainda mais curiosa para conhecer a trama.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.