Resenha: Delícia, Delícia - Cupcake Club #1

21/06/2016



Quando a extraordinária confeiteira Leilani Trusdale trocou a agitação de Nova York pela pacata e doce Ilha de Sugarberry, não esperava que seu passado a seguisse. Seu antigo chefe, Baxter Dunne, também conhecido como Chef Hot Cakes, o homem que ensinou a ela que o creme compensa, reaparece desejando filmar seu famoso programa de culinária. O problema é que ele escolheu filmar na Cakes by The Cup, a minúscula e aconchegante confeitaria de Leilani. Com seu olhar de brigadeiro de colher e aquele irresistível sotaque britânico -- que faz a moça babar e seu rosto corar como calda de cereja --, ele fez as fofocas de cozinha rolarem soltas.

Lani, lá no fundo, só deseja que algumas sejam deliciosamente verdadeiras... Os amigos estão convencidos de que o ex-chefe é o ingrediente que falta para a definitiva receita de felicidade dela. Porém, Baxter terá que botar a mão na massa se quiser tirar do forno um grande, verdadeiro, quentinho e saboroso amor. No Clube do Cupcake, cozinhar é apenas um detalhe. Entre altos papos e doces lambidas, amizades crescem como pão quentinho e a vida vai ficando, hummmm, mais saborosa. Mas quando é preciso decidir entre a vida que você sempre sonhou e o amor da sua vida, só as melhores amigas, as melhores receitas e uma caixa cheia de Red Velvets podem ajudar. É hora de praticar boloterapia!!!

Leilani é uma chefe confeiteira que saiu da agitação de Nova York e mudou-se para a ilha de Sugarberry, tentando encontrar tranquilidade e ficar perto de seu pai, um policial aposentado com uma saúde delicada. Porém, sua paz logo se vê ameaçada quando ela descobre que seu ex-chefe, Baxter Dunne, um renomado chefe confeiteiro, planeja gravar uma temporada de seu programa justamente em seu pequeno negócio, o que a deixa completamente irritada.

E quando numa bela manhã, Baxter surge em sua confeitaria, e declara que os motivos de querer fazer um programa na ilha e especificamente na confeitaria dela não são apenas pelos seus dotes profissionais, mas porque também quer estar perto dela, Leilani vê seu coração titubear. Ainda assim, ela se mantém forme em dizer que não quer que ele continuei na ilha e nem quer fazer parte de seu programa. Além do mais, Leilani leva consigo uma certa mágoa por ele não ter demonstrado qualquer sentimento por ela e tê-la deixado partir quando ela trabalhava no Gateau.

Foram os cupcakes que a salvaram. Era nisso que Leilani Trusdale pensava enquanto extraía cuidadosamente o centro do último cupcake Floresta Negra. 

O livro é narrado em terceira pessoa e mostra bem a personalidade de Leilani, seus pensamentos, o que é bastante interessante, pois para o Baxter ela só mostra o seu lado mais forte e decidido e só nós ficamos sabendo da confusão em que seu coração se encontra. Por outro lado, temos também os sentimentos de Baxter. Embora ela tenha dúvidas sobre ele, nós, que conseguimos penetrar seus pensamentos, pegar os momentos de admiração que ele tem por ela, como numa das cenas em que ele a vê na cozinha, dançando e cantando de um modo alegre como ele jamais a tinha visto, sabemos que ele realmente está disposto a consertar o passado e que nutre sentimentos verdadeiros por ela.

Há também o clube do cupcake, no qual as mulheres afogam seus problemas, o que deu um ar muito interessante para a história. E posso dizer que de modo geral, Delícia, Delícia me agradou bastante. Fiquei com medo de esse livro ser muito hot, mas achei a leitura dele bem leve e gostosa. Além do mais, descobri que leituras com essa pegada de cozinha são muito agradáveis, eu que amo programas de culinária simplesmente me senti deliciada. Sobre a diagramação, achei um pouco festa junina, mas a capa está uma graça. Enfim, para quem quer uma leitura leve eu indico esse livro. No final dele ainda temos algumas receitas maravilhosas de cupcakes e estou louca para fazer uma delas!

... ela se apaixonara. Se apaixonara louca, desesperada, completa e ridiculamente. Por sua própria confeitaria. 

https://www.facebook.com/literaturadeepoca/?fref=tsDelícia, Delícia Cupcake Club # 1
Donna Kauffman
Editora Valentina: Twitter/Facebook

Um comentário:

  1. Oi Naiara!

    Romance e doces!! que excelente combinação!!! E eu amo cupcake!!!! Agora estou morrendo de vontade de ler o livro e comer um kkkkkkk

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.