Cine Cult: Entourage - Fama e Amizade

21/08/2015

Entourage: Fama e Amizade | Nota ★★★ (Bom) | Lançamento: 20 de Agosto de 2015
Texto por Lucas Simões | Revisão de Texto por Kamila Wozniak 


Filme que resgata a série homônima exibida de 2004 a 2011, Entourage conta a história de quatro amigos que crescem juntos no mercado cinematográfico de Los Angeles após um deles, Vince (Adrian Grenier), estourar e se tornar um astro. A trupe é composta pelo astro já citado, seu irmão que busca crescer no ramo e se escora na fama conquistada do irmão, Johnny Drama (interpretado por Kevin Dillon, o irmão de Matt Dillon), o motorista Turtle (Jerry Ferrara) e o amigo de infância de Vince, Eric (Kevin Connolly).

A trama se inicia quando Vince fica sabendo que seu agente e poderoso produtor Ari Gold (Jeremy Piven) quer voltar à ativa após se aposentar, produzindo um filme, e Vince diz que quer dirigir, o que Ari aceita. Após meses de produção e o filme finalizado, em teoria, Vince se sente inseguro e quer mais dinheiro pra deixar o filme perfeito, então ele e Eric pressionam Ari para conseguir o dinheiro. Ari por outro lado acaba precisando recorrer aos texanos, coisa que ele não quer, mas o faz por acreditar no amigo de longa data. Ari então se reúne com seus financiadores, Larsen McCredle (Billy Bob Thorton) e seu filho Travis (Haley Joel Osment), que só darão o dinheiro se assistirem o filme. E a confusão começa aí.

Comédia num estilo auto-referencial, habitantes de Los Angeles que fazem piadas sobre Los Angeles e seus hábitos, sem humor pejorativo nem humor nojento/sexual. Uma comédia que gira em torno de diálogos bem construídos e personagens humanos, patéticos dentro do nível do aceitável. O roteiro possui um fluxo bom de personagens e aparições de pessoas famosas, porém não utiliza tão bem muitos personagens que introduz, que poderiam adicionar mais à trama e às motivações dos personagens de modo geral, mas isso acaba centralizado demais na trupe de amigos.

As personagens femininas tem pouca força e a que tem mais destaque sem ficar seminua ou nua é a mulher que engravida, e tudo bem, fora a Ronda Rousey que, bem, é a Ronda Rousey. As mulheres são mais motivadoras de problemas que de soluções, isso seria um problema só se o objetivo fosse achar problemas que não são realmente problemas, são mais características de um formato que está se encontrando. Uma comédia que consegue ser hilária sem ser explícita, nojenta ou pejorativa, não ridiculariza nenhum dos personagens e conta uma história merece ser assistida.

Um filme que vai te fazer comprar oito boxes de seriado de uma vez. Recomendado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.