Resenha: A Filha do Sangue - As Joias Negras #1

26/09/2014


O Reino Distorcido se prepara para o cumprimento de uma antiga profecia: a chegada de uma nova Rainha, a Feiticeira que tem mais poder que o próprio Senhor do Inferno. Mas ela ainda é jovem, e por isso pode ser influenciada e corrompida. Quem a controlar terá domínio sobre o mundo. Três homens poderosos, inimigos viscerais - sabem disso. Saetan, Lucivar e Daemon logo percebem o poder que se esconde por trás dos olhos azuis daquela menina inocente. Assim começa um jogo cruel, de política e intriga, magia e traição, no qual as armas são o ódio e o amor. E cujo preço pode ser terrível e inimaginável. 

Vamos ver se eu consigo explicar para vocês um pouco sobre o mundo que a Anne Bishop criou. Existe uma profecia que afirma a ascensão da feiticeira mais poderosa que já existiu, só que por enquanto ela ainda é jovem, então três machos vão tentar guiá-la nas artes da magia e do amor. Eu me referi aos homens como machos, porque nesse mundo é a mulher quem representa o poder. Elas que mandam e os machos obedecem. Eles não possuem voz, só servindo para prazeres carnais e rebaixados como machos. O livro tem uma aura sombria por causa disso, já que coisas horríveis são feitas com eles e é ai onde a escrita da autora se destaca. Ela não detalha as cenas pesadas, mas coloca a imagem na nossa cabeça mesmo assim. Com uma ou duas linhas.

São vários personagens que narram o livro, todos em terceira pessoa. Embora seja a protagonista, o ponto de vista da Jaenelle quase não aparece, ou seja, a vemos pelos olhos dos outros personagens. Ela é uma menina especial que mesmo com a pouca idade entende muito da vida e de magia. O Daemon é o explosivo e o que as pessoas mais temem, já que nada fica de pé, ou vivo, quando a sua fúria atinge o ápice. Lucivar foi o personagem que eu mais gostei, porque ele tem uma coisa que eu amo, mas infelizmente a autora não deu tanto destaque para ele assim. O Saetan (repararam no nome?) é o mentor da Jaenelle, é ele quem vai aprimorar os poderes dela e ensinar como e onde usá-los. Ele é o personagem que aparece mais e o que consegue colocar ordem na maioria das situações.

Todos sabem que sou diferente. Só que para alguns não tem importância, e para outros tem uma importância enorme.

Eu fiquei com vontade de ler esse livro depois de ler algumas resenhas sobre ele. Nelas as blogueiras comentaram que o livro era forte, que tinha cenas que era preciso ter estômago para ler. Acontece que eu não achei o livro tão forte assim, na verdade a base envolvendo a fantasia foi mais complicada para mim. O livro não tem cenas de sexo, mas tem muita sensualidade. O que pode ter dado uma impressão estranha, e realmente dá, é a relação do Daemon com a Jaenelle. A menina tem 12 anos e ele já é um homem, só que a relação dos dois não vai até o fim. O Daemon ama a mulher que a Jaenelle vai se tornar, mas às vezes, não consegue controlar o que sente e leva para o outro lado as sensações que o toque dela produz. Mas repito, as coisas entre eles não passam disso.

O que eu comentei sobre a parte da fantasia ser complicada para mim, é porque além dos poderes serem associados a joias, existem mundos dentro de mundos, existe misturas de homens e animais e outras coisas que falar seria entregar o ouro. O fim exigiu mais de mim por causa de uma cena envolvendo a Jaenelle, o Daemon e uma forma que ela adquire. A autora atribuiu poderes a joias preciosas, por isso o nome da trilogia e das outras séries, então dependendo de qual poder você tem, uma pedra será destinada a você. Esse poder é revelado em um ritual e as pedras são dadas. Existe uma hierarquia das pedras que vem no incio do livro e isso facilita bastante. Nunca tinha lido nada que ligasse poderes a pedras preciosas, então esse foi mais um ponto diferente para mim.

Este é realmente um livro que você tem que ter a mente aberta para ler. Não só pela relação da protagonista com os homens da estória, mas pela parte da fantasia também. As muitas pessoas narrando o livro causam certa confusão, mas depois que você pega o ritmo de leitura e entende a relação dos personagens, tudo se ajeita. Vou continuar acompanhando a série, e empolgada, porque tudo que a autora criou é tão diferente que eu quero saber mais sobre os poderes das joias, os personagens e com quem eles vão ficar. Neste primeiro eu descobri o porquê a Jaenelle é importante, e agora quero saber o que ela vai fazer com todo o poder que está aprendendo a dominar. O segundo livro será lançado ainda este ano e se chama A herdeira das Sombras.


A Filha do Sangue - As Joias Negras - Livro 01
Anne Bishop
Editora Saída de Emergência Brasil: Twitter/Facebook

4 comentários:

  1. Oi! Sua resenha é a primeira que leio deste livro. E confesso que ela não me deixou muito interessada na leitura. O livro parece muito legal, mas estou um pouco cansada de livros um tanto confusos. Estou querendo livro leves no momento. Mas, pode ser que um dia eu o leia.

    Beijos
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Denise!
    Adorei a resenha, bastante clara sobre um livro aparentemente "complexo".
    Já li sobre ele anteriormente, mas agora eu me senti mais tentada a ler. Gosto de histórias medievais e fantásticas, então só por isso já fico curiosa. Além disso, sua resenha me deu uma ideia mais "clara" da temática.
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que complexo esse livro. Pelo que você contou da história, não sei se eu gostaria de ler; parece uma viagem excessiva, que a autora acabou saindo dos limites.

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com.br/
    Tem resenha nova de "Dark Life" no blog, vem conferir!

    ResponderExcluir
  4. Nunca ouvi falar... mas gostei da história. Mulherada dominando... kkkkkkk
    Mas assim, a menina tem só 12 anos? Será que a história avança no tempo?
    E existe conotação romântica/sensual com os três machos.
    Essa autora parece mto boa, ainda não conheço, mas tem uma série dela (The Others) de fantasia urbana que vem fazendo mto sucesso. Só não li ainda, pq ela vai ser com 5 livros. E ela ainda só tem 2 e a editora demora UM ano entre um livro e outro. Detesto ter de esperar tanto tempo assim e ficar na função de uma série por tantos anos, acabo perdendo o interesse. Vou esperar pelo menos mais uns 2 livros serem lançados que daí eu leio. Mas parece ótima. Vou dar uma olhada nessa outra ai tb... gostei msm da história.

    Bjos!
    http://lapiselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.