Editora Aleph lança aguardado livro que conclui a saga Fundação, de Isaac Asimov

10/09/2014

A editora Aleph está lançando o último livro da saga da Fundação. Origens da Fundação é a aventura decisiva da maior série de ficção científica de todos os tempos. Confiram também uma prévia de Cultura da Conexão, de Henry Jenkins.

“Há uma série muito antiga de Isaac Asimov – os romances da Fundação – na qual os cientistas sociais entendem a verdadeira dinâmica da civilização e a salvam. Isso é o que eu queria ser. E isso não existe, mas a economia é o mais próximo que se pode chegar. Então, como eu era um adolescente, embarquei nessa.” 
Paul Krugman, Prêmio Nobel de Economia de 2008

Iniciada em 1942 e concluída em 1953, a Trilogia da Fundação é um dos maiores clássicos de aventura, fantasia e ficção do século 20. Os três livros que compõem a história original, Fundação, Fundação e Império e Segunda Fundação, receberam, em 1966, o Prêmio Hugo Especial de melhor série de ficção científica e fantasia de todos os tempos, superando concorrentes de peso como O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien.

Mas a Trilogia não encerra a história da Fundação. Atendendo a pedidos de fãs e de seus editores, Asimov retomou a história de Terminus – quase trinta anos depois do lançamento de Segunda Fundação – ao escrever as continuações Limites da Fundação e Fundação e Terra. Em seguida, foram publicadas as obras Prelúdio à Fundação e Origens da Fundação, que narram os eventos anteriores ao primeiro livro.

Aguardadíssimo pelos fãs, Origens da Fundação (Forward the Foundation) foi o último livro da série Fundação escrito por Asimov sobre a aventura de Hari Seldon, o psico-historiador que alterou o curso da história de toda uma galáxia. Na trama, o planeta natal da raça humana foi destruído, mas, apesar desse revés, a humanidade expandiu o seu domínio sobre 25 milhões de mundos. Como primeiro-ministro do Império, Seldon deve contribuir para que a expansão universal continue. Mas ele percebeu que esse impressionante número de mundos habitados pode mascarar o possível fim da realidade como ele a conhece. Como prever as variáveis do destino? Elas seriam mesmo imprevisíveis? Seldon terá que recorrer a um plano que possibilite à humanidade uma nova Fundação. O livro traz tudo aquilo que se espera de Asimov: cenários grandiosos, tramas complexas, personagens incríveis, reviravoltas e muito mais do universo da Fundação.

Drops Aleph

• A Columbia Pictures detém os direitos de filmagem de Fundação e contratou o cineasta Roland Emmerich (Independence Day) para dirigir a série. Porém, desde 2009 não há desenvolvimento na produção da película. 

• Além dos hollywoodianos Eu, Robô e O Homem Bicentenário, outros livros de Asimov foram adaptados para o cinema. Entre eles está O Fim da Eternidade, que ganhou uma versão tão rara quanto bem comentada, produzida em 1987 na extinta União Soviética. 

• A Aleph irá lançar Eu, Robô em novembro deste ano. O livro reúne contos com a temática de robôs. 

• Além da ficção, Isaac Asimov escreveu dezenas de livros de divulgação científica e, por esse motivo, também exercia consultoria científica para algumas obras. Isso aconteceu, por exemplo, no primeiro filme de Jornada nas Estrelas, lançado em 1979. 

• Em 2009, uma cratera de Marte foi batizada de Asimov, em sua homenagem. 

• As capas da série Fundação foram feitas pelo Studio DelRey, que foi finalista do Prêmio Jabuti na categoria Capa em 2011 e vencedor do Prêmio Getty de Melhor Capa de Livro em 2012. 


 

Um comentário:

  1. Olá,
    Tudo bem?
    Ainda não li nenhum dos livros, acredita? Fiquei bastante curiosa quanto a eles pois já tinham me falado sobre. Adorei saber sobre..
    Beijos*-*
    Território das Garotas

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.