Resenha: Austenlândia

12/05/2014



Jane Hayes tem 33 anos e mora na Nova York atual. Bonita, inteligente e com um bom emprego, ela guarda um um segredo constrangedor: é verdadeiramente obcecada pelo Sr. Darcy. Embora sonhe com ele, os homens reais com os quais se depara são muito diferentes dos que habitam sua fantasia. Justamente por isso, ela decide deixar de lado sua vida amorosa e aceitar seu destino: noites solitárias aconchegada no sofá assistindo a Colin Firth em seu DVD. Porém, esses não são os planos que sua rica e velha tia-avó Carolyn, tem para a moça. 

A única a descobrir o segredo de Jane deixa, em seu testamento, férias pagas para a sobrinha-neta na Austenlândia. A ideia é que Jane tenha uma legítima experiência como uma dama no início do século XX e consiga se livrar de uma vez por todas de sua obsessão. Contudo, para isso, ela terá que abrir mão do celular, da internet e até do uso de sutiãs em troca de tardes de leitura, espartilhos e... a companhia de belos cavalheiros. 

Fãs de Jane Austen e Sr Darcy, imaginem um lugar onde vocês podem vivenciar o inicio do séc XX como a escritora colocou nos romances, com as roupas, as danças, os flertes e tudo o que envolve um estória da autora. Imaginaram? Pois esse lugar existe e se chama Austenlândia, pelo menos no livro de mesmo nome da autora Shannon Hale. A personagem que vai ter a oportunidade de vivenciar três semanas nesse lugar é a Jane Hayes. Jane tem um histórico de romances desastrosos e acabou desistindo dos homens, isso porque o único homem que ela acha perfeito é ficcional e vive apenas no livro Orgulho e Preconceito, Sr Darcy. Secretamente ela procura pelos personagens em todos os seus namorados não encontrando um que chegue pelo menos aos pés dele.

Querendo ter a experiência de ser uma moça do séc do Sr Darcy para depois tocar sua vida para frente, já que ela sabe que não dá mais para viver sonhando com um personagem de livro, ela vai para Austenlândia esperando se livrar do Sr Darcy, mas acaba encontrando exatamente o que precisava. O livro é narrado em terceira pessoa acompanhando a protagonista Jane. Ler a Jane foi sentir uma identificação muito grande, pois como fãs de Jane Austen e secretamente apaixonada pelo Darcy, é logico que eu me veria na narrativa. O começo eu estranhei um pouco porque pensar numa mulher de 33 anos indo para um lugar onde a intenção é remontar os romances da Austen é muita viagem, mas como o decorrer da leitura eu entrei no clima e foi tudo ótimo. A Jane tem umas sacadas engraçadas e é aquele tipo de pessoa que zomba de si mesma quando as coisas dão errado. No começo fica com raiva e depois é sarcástica.

É sério, uma mulher de 30 e poucos anos não deveria sonhar acordada com um personagem fictício de um mundo de 200 anos de idade a ponto de influenciar sua vida e seus relacionamentos muito reais e muito mais importantes. É claro que não deveria.

O fato da Jane sempre procurar o Sr Darcy nos seus namorados vai muito além do que uma doida querendo namorar um personagem de livro, remete a uma mulher que quer o melhor e em sua visão o melhor é um homem apaixonado e espirituoso, que são as qualidades que o personagem da Austen tem. Quando uma pessoa fala que ama um determinado personagem é preciso ver por baixo da capa. É claro que ela não quer algo impossível, só quer as qualidades que ele apresenta e a Jane procura as do Sr Darcy e nunca encontra. Então a questão chave do livro não é uma mulher indo para um lugar viver uma fantasia, é uma mulher que tem esperanças de encontrar um homem com quem possa dividir a sua vida. Não ter relacionamentos frustrados e sim, um que seja verdadeiro e duradouro o maior tempo possível.

A ideia da Austenlândia foi interessante porque as fãs da autora se sentiriam no céu num lugar desses. Falando por mim, se um lugar assim existisse é claro que eu iria visitar e acredito que a maioria das fãs também. E o legal é que a autora fez de um jeito que seria possível ele existir. A Austenlândia é uma mansão no estilo das casas daquela época, na Inglaterra, e com as mobílias também seguindo esse padrão. Quando a Jane chega lá ela passa por um 'treinamento' sobre como se vestir e se comportar para depois passar suas três semanas aproveitando o que o local tem a oferecer. Atores vão interpretar papeis típicos dos livros como capitães, baronetes, ladys e por aí vai, por isso não comentei sobre outros personagens no parágrafo que falei sobre a Jane, porque se eu falar com quais pessoas ela se envolve, quando vocês lerem vão pegar antes da hora uma reviravolta que acontece no final.

Eu gostei muito do livro e não esperava lê-lo tão rápido, 240 pgs de um dia para o outro. Passado a estranheza inicial, grudei no livro e só larguei quando ele acabou. A narrativa tem bastante romance, comédia e leveza. É daqueles livros que te entretêm e diverte de uma forma positiva, que quando você termina fica feliz por ter escolhido o livro. Imagino que alguns podem não gostar do fato de uma mulher de 33 anos que é obcecada por um personagem, mas pensem nela como descrevi acima, ela só quer ser feliz encontrando um homem que fique ao lado dela sempre. Quando fui fazer esta resenha e pesquisei no skoob sobre o livro descobri que ele é o primeiro de alguma coisa e tomei um susto, porque o livro tem um bom final. Ainda no skoob, na pg da autora, tem um outro livro que se passa em Austenlândia, mas não são os mesmo personagens. Não sei como a autora fará com a continuação ou se a Record lançará esse outro livro, mas só avisado que eu leria sim, sem nem pensar duas vezes.

Sua vida agora seria aberta a possibilidades verdadeiras. O Sr Darcy não existia, o homem perfeito não existia. Mas talvez houvesse alguém. E ela estaria pronta.

Austenlândia - Livro 01
Shannon Hale
Editora Record: Twitter/Facebook

12 comentários:

  1. Não pensei que o livro fosse tão pequeno. Quero le-lo, principalmente por ser de baseado na historia de minha autora preferida Austen!
    Eu posso dizer somente sobre o filme. Assisti e gostei!

    Otima resenha, bjos

    Leitura de Ouro
    http://leituradeouro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acho que certamente o livro deve ficar mais interessante para quem já leu e curte Jane Austen. Nunca li a autora - falta grave, eu sei, mas que pretendo consertar logo que possível hehe -, mas ainda assim curti tudo o que li a respeito de Austenlândia. É um livro que tenho a impressão de que me agradaria. E olha só, eu não sabia que haverá continuação, fiquei surpresa.

    Beijos, Livro Lab

    ResponderExcluir
  3. Oi Denise!
    Adorei a resenha ^^
    É a primeira que eu leio do livro, mas faz tempo que quero lê-lo.
    Assisti o filme esses dias, e gostei muito, agora quero ler o livro o quanto antes possível. Pena que só tenha 240 páginas.
    Eu como fã de Jane Austen e Mr. Darcy, adoraria um lugar assim, seria um sonho *-*
    Bjus
    http://leiturasdokokoro2.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oie!!

    Essa é a primeira resenha que leio deste livro, e preciso te contar uma coisa: Enquanto eu estava lendo, estava me lembrando do evento de outra editora, onde o pessoal de marketing estava divulgando um outro livro. E de acordo com tudo que li na sua resenha, eles são bem parecidos. O livro que estou falando só será lançado no próximo semestre.
    Enfim, posso garantir que quero ler os dois, rs.

    Adorei a resenha!!!

    Bjkas

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda não tinha lido nenhuma resenha desse livro, mas já quero lê-lo, só por gostar dos livros da Jane Austen.

    *bye*
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Que sonho! Quem não queria um Mr. Darcy? Acho que até depois dos 33 ainda vou acha-lo perfeito.
    Gostei bastante da ideia de fazer parte do universo através de um personagem. Para as fãs de Jane Austen deve ser uma ótima leitura.
    beijos
    www.antesdos40.com.br

    ResponderExcluir
  7. Hey
    HAHA bem que eu queria um Mr. Darcy.
    Essa Austenland deve ser tipo um parque temático? To imaginando e rindo haha que bacana.
    Quero ver o filme *.*

    bjs
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  8. Olá Denise,

    Só leio resenha positivas desse livro e cada uma que leio só aumenta a minha vontade de ler, pois que não gosta da Jane e do seu período né? Parabéns pela resenha...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi flor,
    Sabe que não dava nada por esse livro mas agora lendo sua resenha ele me chamou bastante atenção. Acho que deve ser um livro no minimo divertido se conseguir quero le-lo sim.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Oi Denise. Quando você falou "imagine um lugar" eu já estava imaginando, rs. Queria que existisse um lugar assim *-* Sua resenha trouxe meus velhos sonhos a tona, haha. E Jane, Mr. Darcy é meu ;) É a primeira vez que ouço falar nesse livro, obrigada pela resenha! Beijos <3
    http://livros-cores.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Ainda não me empolguei tanto assim com este livro, quem sabe mais para frente.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito de conhecer um livro que tem como base uma fã de Jane Austen, também admiro muito o trabalho da escritora. A ideia foi super criativa e só de imaginar as cenas já parece ser divertido. Fiquei com vontade de ler. Abraços, Denise.

    De Frente com os Livros

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.