Resenha: Poseidon - O legado de Syrena #1

05/03/2014



Galen é o príncipe de Syrena enviando à terra para encontrar uma garota que pode se comunicar com peixes. Emma está de férias na praia quando ela literalmente corre de encontro a Galen. Ambos sentem um conexão, mas vai demorar vários encontros incluindo um mortal com um tubarão para Galen se convencer dos dons de Emma. Agora se ele pelo menos pudesse convencer Emma de que ela segura consigo a chave para seu reino... Contado a partir de ambos dos pontos de vistas, Emma e Galen, aqui está uma história de peixe fora d'água, humor que intriga e ondas de romance. 

A vida de Emma era igual a de qualquer jovem até ela esbarrar num cara extremamente bonito e diferente e depois entrar no mar com sua amiga Chloe. As duas são atacadas por um tubarão e a amiga morre, mudando assim, a vida de Emma para sempre. O cara diferente se chama Galen e é o príncipe dos syrenas, ou sereias como chamamos. Ele está na Terra para procurar por uma menina que tem um dom especial, o de falar com os peixes. Galen sente que Emma pode ser essa menina e a segue até onde ela vive, e faz de tudo para conhecê-la melhor. Os dois se conhecem melhor e se envolvem, mas Galen guarda segredos sobre porquê essa menina é tão especial assim.

A narrativa do livro é feita de duas formas, em primeira pessoa pela Emma e em terceira pessoa companhando o Galen. A Emma é uma menina de pavio curto, bastante geniosa e teimosa. Quando ela descobre que é não é humana, procura saber o que é e corre atrás de informações. O Galen vai conquistar a maioria das leitoras, tenho certeza. Protetor, amigo e com um charme irresistível por não conhecer tão bem a nossa cultura, ele é o sonho de qualquer garota. Nem entremos na questão dele ser um príncipe, que dai não tem pra ninguém. Brincadeiras a parte, gostei muito do Galen por ser tão leal com o seu povo, a ponto de deixar de lado o que quer por eles. Os personagens secundários são tão legais de ler quanto os protagonistas e são Rayna e Toraf, irmã e amigo do Galen.

Logo nas primeiras páginas de Poseidon já sabemos de muitas coisas relacionadas a Emma e aos Syrenas, e por ai percebi que o ritmo de leitura seria rápido e cheio de informações como depois foi comprovado. Esse é um livro onde o leitor conhece o mundo que a autora criou e os personagens, mas que também tem um conflito e uma proposta para os outros livros. O conflito é a Emma descobrir que não é humana e o que ela é. Quando ela descobre isso, vai aprendendo um pouco mais sobre assunto e nós também. A proposta para os outros livros é feita no fim de Poseidon e daí a autora foi maldosa, porque terminou de um jeito igual a capítulo final de novela no sábado.

- Você confia em mim, Emma? 
Confirmo com um movimento de cabeça, porém algo me diz que eu não deveria confiar. 

Não sou muito fã de sereias, para falar a verdade é o primeiro livro sobre elas que leio, mas não sei, nunca tive uma impressão boa sobre esses seres. Mas quando vi a capa desse livro eu fiquei louca para ler, porque imaginei que envolveria mitologia e esse é um assunto que eu adoro. O livro tem um pouco de mitologia sim, mas a autora também colocou muita coisa da cabeça dela e conseguiu encaixar bem isso, sem parecer esquisito. Convenhamos, é estranho as pessoas terem caudas, eu pelo menos acho. Outro traço que eu gostei de ler foi a comédia. Como o Galen e seu amigo e irmã estão vivendo entre os humanos pela primeira vez, ele não conhece as nossas expressões ou como os humanos são, então o entendimento das nossas particularidades é engraçado.

Não foi um 5 estrelas por dois motivos, a Emma no começo da narrativa é muito chatinha, do tipo briguenta sem muitos motivos, mas depois das 40 primeiras pgs ela melhora e eu comecei a gostar dela. E o segundo ponto, e esse sim me incomodou muito, foi o modo como a autora escolheu narrar a sua estória. Particularmente, prefiro os livros narrados em terceira pessoa por serem mais confiáveis, mas leio os outros sem problemas. Poseidon é narrado em terceira pessoa, mas também em primeira. Não vi necessidade para alternar a narrativa e não gostei muito, fica um texto estranho. Os acontecimentos que se passam com o Galen são em terceira pessoa e a Emma narra a sua parte.

Li esse livro super rápido, porque gostei da proposta dele e dos personagens. O enredo que envolve os irmãos do Galen são igualmente bons, a estória da Rayna tem mais detalhes e ao que tudo indica foi concluída nesse mesmo. A estória do irmão mais velho deles é que dá gancho para a continuação e envolve o Galen e a Emma. Não, não é um triangulo amoroso, é algo bem mais complicado que isso. Assim que terminei de ler já corri para saber mais sobre a série, e parece que é uma trilogia com mais dois contos e todos lançados lá fora. Sendo assim, espero que a Novo Conceito lance logo pelo menos os contos este ano e o segundo no ano que vem. Vou acompanhar porque realmente fui conquistada pelo livro.

Galen não é só um paquera. Não é só uma atração física (...). É mais que isso. É ele que eu quero. Possivelmente para sempre.

Poseidon - Of Poseidon - Livro 01
Anna Banks
Editora Novo Conceito - Twitter/Facebook

4 comentários:

  1. Olá! Acho que nunca li nada sobre sereias, rsrs... Só A Pequena Sereia!
    Pode ser uma opção para começar...

    Bjs, Isabela.
    www.universodosleitores.com

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Seu blog é uma maravilha! Estou seguindo e sempre que puder estarei por aqui. Obrigada pela visita você também. :D
    Quanto a resenha.tenho lido muitas coisas positivas a respeito desse livro. Confesso que não é uma prioridade de leitura porque eu estou correndo de séries (literalmente!). Mas a proposta é mesmo legal... acho que assim como você não iria curtir muito o início porque não suporto protagonistas chatas... mas fico contente em saber que ela evolui com o passar das páginas.

    Adorei!

    Um abraço!
    http://universoliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Denise!
    Fiquei apaixonada pela capa desse livro assim que vi e a história também parece ser muito boa. Não tenho preferência por livros na primeira ou terceira pessoa, então acho que a narração não me incomodaria.
    Beijos!
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Olá Denise,

    Recebi o livro da editora e não tinha muito ideia dele, essa é a segunda resenha que leio e me esclareceu bastante, mais não sei o que esperar....abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.