Resenha: Esc@ndalo

20/01/2014



Amelia Wilkes tem um pai rigoroso que não permite que ela namore, mas isso não a impede de viver um romance secreto com o cativante Anthony Winter. Desesperadamente apaixonados, os dois sonham uma vida juntos e planejam contar tudo sobre seu amor aos pais de Amelia... Mas só depois que ela completar dezoito anos — e for legalmente reconhecida como adulta. No entanto, a paixão do casal é exposta mais cedo do que o previsto...

Eles são jovens, andam grudados aos seus celulares e postam todo tipo de informação — inclusive aquelas informações mais particulares, que só deveriam dizer respeito a eles mesmos — até que o pai de Amelia encontra fotos de Anthony, nu, no computador de sua filha. Poucas horas depois, Anthony é preso. Apesar dos protestos de Amelia, seu pai usa de todo o poder e influência entre os policiais, e entre os meios de comunicação, para transformar Anthony em um pervertido que caçava sua inocente filha. 

De mãos atadas, cabe aos dois apaixonados arriscar uma última saída, ousada e perigosa, e apagar a acusação de sexting que Anthony recebeu.

Como algo inocente como enviar fotos para o namorado ou namorada pode se tornar caso de polícia? Se você é maior de idade, não poderia enviar fotos íntimas suas para alguém? Aparentemente as coisas não são tão simples como o casal Anthony e Amelia imaginavam. Jovens e apaixonados, eles querem o mundo e ao enviar fotos nus um para o outro, eles veem seus sonhos serem reduzidos a pó. Tudo começo com o pai de Amelia descobrindo as fotos de Anthony no computador da filha e fazendo uma queixa de assédio contra ele. A situação sai do controle e Amelia também é acusada de outros crimes envolvendo as suas fotos nuas no computador de Anthony. A partir dai, ambos os pais vão tentar recuperar o prestigio de seus filhos, que após tantos escândalos, está na lama.

Acompanhamos em Escândalo 4 pontos de vista em terceira pessoa, o casal Anthony e Amelia, o pai dela, Harlan e a mãe dele, Kim. Os pontos de vista dos pais são importantes para termos uma noção, da extensão das acusações. Amelia e Anthony se conheceram na escola, em uma audição para uma peça de teatro. O encantamento acontece e eles se envolvem. O que chama a atenção da Amelia no Anthony é o seu jeito romântico e sonhador de ser. A vontade de ser um ator de teatro combina direitinho com a vida que ela sonha. Já para o Anthony, a Amelia tem uma beleza e voz que ele tem certeza que um dia serão reconhecidos nos palcos da Broadway. Ela tem um ar angelical e inocente que o faz amá-la ainda mais, como se a Amelia não fosse real, e sim, um anjo. Os dois tem momentos muito românticos e a cena deles em Nova York é linda, e expressa os desejos deles de serem felizes fazendo o que amam, e juntos.

A primeira sensação que eu tive ao começar a ler este livro foi raiva, e o primeiro alvo foi a Amelia porque no começo ela não diz a verdade para o pai, de que o Anthony é seu namorado e que foi ela quem pediu as fotos, e quem esqueceu o computador em casa com as fotos foi ela. Depois a minha raiva se transferiu para o Harlan e com ele ficou até o fim do livro. Ele é um homem muito intransigente, que vê que está errado, mas não faz o menor esforço para consertar isso. A outra sensação que tive lendo o livro foi angustia. Assim que a polícia foi envolvida no caso, eu sabia que as coisas só iam piorar, antes de melhorar, se melhorassem. Eu comecei a associar a situação tema do livro com jogar um pedra na água. A princípio o estrago não é grande, mas a propagação de ondulações que ela faz na água só crescem antes de acabar, e é exatamente isso que acontece. Sem contar que todos do circulo do casal são atingido e sofrem consequências, não só eles.

Estavam tão certo de sua inocência que não pensara no risco. Ele e Amelia se pertenciam. Tinham um futuro juntos enlaçado com um fio de ouro. O que poderia dar errado, pensaram?

Essa questão do sexting em um livro para mim foi novo. Eu nunca tinha lido nada sobre o assunto e não sabia que você enviar fotos íntimas suas para alguém poderia ser considerado crime, se tem o seu consentimento. O que acontece é que as leis americanas, onde o livro se passa, são um pouco mais rígidas e claras sobre o assunto, enquanto aqui no Brasil isso é um território desconhecido. Tanto a Amélia, quanto o Anthony são enquadrados em vários crimes e não só nesse fato de enviar fotos nuas um ao outro. Eles são acusados de pornografia infantil, o Anthony de aliciar uma menor, de propagar conteúdo impróprio, entre outros. Ou seja, o simples ato de mandar uma foto nu para a namorada e receber outra dela, se associou a outros crimes, que foram explicados no livro, e acarretariam mais de 6 anos de prisão para cada um na melhor da hipóteses.

Duas coisas me incomodaram nesse livro e me impediram de dar 5 estrelas para ele. A primeira delas foi a justificativa dos pais da Amelia para não deixá-la namorar com o Anthony. De acordo com eles, a vida da Amelia já está programada e vai ser perfeita, e namorar com alguém que não é bom o bastante, não esta dentro do aceitável. A verdade é que o pai dela é muito conservador e como temos acesso ao ponto de vista dele, entendemos isso, só que não me convenceu. Privar a filha de viver não é algo que eu julgue como normal, por mais que a autora através dele tente me convencer. O outro ponto é que o livro é extenso, mas o final ficou mal explicado. A autora soube detalhar a estória, só que ela perdeu o fôlego no fim e não explicou por exemplo, como a vida da Kim se organizou depois de tudo ou como ficou a relação do pai da Amélia com o Anthony.

Por mais que tenham detalhes a serem melhorados a leitura valeu a pena e recomendo esse livro para todo mundo. É sério, todos deveriam ler e ter consciência de como uma escolha inocente pode se voltar contra você e acabar com a sua vida. O livro trata sobre aquela velha questão de 'acontece com todo mundo, menos comigo' e quando acontece, você fica sem chão e não sabe como agir. Que fique de lição isso que aconteceu com a Amélia e o Anthony e as pessoas tenham mais discernimento na hora de confiar no outro, não que você não deva, só tenha mais atenção e cuidado. Eu terminei de ler e o livro e ficava analisando essas questões e pensando se fosse comigo. E é tão bom quando isso acontece, um livro te fazer refletir e tentar viver dentro dele. Não seria nada legal, mas no caso da Amélia e do Anthony, como tudo terminou valeu a pena.

Nem todo segredo era prejudicial ou vergonhoso; às vezes, os segredos eram práticos. Necessários. 

*A capa não condiz com os personagens principais e olha, a Novo Conceito está mesmo precisando de capistas que se interessem em pelo menos pesquisar o enredo antes de fazer esse tipo de coisa.

Escândalo - Amor proibido, privacidade devassada e vidas em jogo: um Romeu e Julieta do nossos dias. Therese Fowler
Editora Novo Conceito - Twitter/Facebook

8 comentários:

  1. Parabens pela resenha, eu gostei muito desse livro e quando comecei a ler algumas, pouca gente soube capturar a essência da coisa. Fico feliz que tenha apreciado e concordo com suas opiniões, embora o final tenha ficado ótimo em minha opinião.

    ResponderExcluir
  2. Hey
    Acho que essa foi a primeira resenha que li sobre esse livro, e adorei!
    Quando a polícia começa a se envolver nas histórias, pode esperar que vem alguma bagunça haha

    Eu poderia até chamar a protagonista de ingênua pelo fato, mas acho que só lendo pra compreender o que levou essa 'criatura' mandar essas fotos.

    Essa capa foi uma das que menos curti ano passado.. achei romântica demais para um enredo tão denso, sei lá

    Ótima resenha

    bjs e uma ótima semana
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  3. Estou com esse livro para ler, mas ainda não estava muito animada. Sua resenha despertou uma vontadezinha de ler, a historia parece bacana e realmente é muito importante a gente ter cuidado. Eu passei por uma situação perigosa justamente por não ter tido atenção e ter levado uma pessoa pouco conhecida para dentro de casa. Ainda bem que o pior não aconteceu.Ótima resenha!

    Beijos

    http://livrosecafelatte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Não sei por que, mas este livro não me chamou a atenção.
    A resenha está incrível!! Adorei seus rompantes de raiva, rsrs. Personagem que omite ou mente me irrita também, mas enfim, não sei, talvez a história, mesmo sendo baseada na vida do filho da autora (me disseram isso), ainda não me senti convencida a ler.
    Pode ser que eu mude de ideia agora com sua resenha. Talvez eu também queira ficar com um ódio do personagem, por quê não??

    Amei!!

    Bjkas

    Lelê Tapias
    http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ainda não li esse livro, está na listinha RSrs
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não estava muito animada para ler esse livro, mas a sua resenha me deixou mais curiosa... Não gosto muito de livros em que o final não fica claro, ainda mais quando não vai ter uma continuação, mas ainda assim agora ele vai para a lista!
    Beijos!
    http://sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu gostei deste livro, só achei a Amélia fraquinha demais! É impressionante como hoje em dia as coisas tomam uma proporção sem igual!
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  8. HEY!!
    Adorei a resenha, confesso que fiquei curiosa para ler, mas com certeza eu teria vontade de jogar o livro pela janela depois kk
    Obrigada pelos comentários no meu blog!!
    Bjs
    @divaekristen
    Divergent Vote

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.