Crie a capa do próximo livo da autora Fabiane Riveiro e concorra a prêmios!

09/04/2012


Recebi um e-mail da autora parceira do blog Fabiane Riveiro com várias novidades legais. Entre ela está o relançamento de seu livro Xadrez, agora pela editora Universo dos Livros, no segundo semestre. Lembrando que o blog está participando do book tour e logo, logo tem resenha aqui pra vocês.


E a próxima novidade é o Concurso de Capas que a autora está fazendo para a escolha da capa virtual de seu novo livro, "A gente ama, a gente sonha". Confiram as regras do concuro e participe.

Regras:

- Enviar uma imagem em alta definição para ser usada como capa do e-book do livro "A gente ama, a gente sonha", de minha autoria, para o e-mail:

assessoriaxadrez@gmail.com

- Ser seguidor do Blog Reino Xadrez (vá em "seguidores" ali na barra lateral).

- Residir em território brasileiro.

Prêmio:

O responsável pela capa escolhida ganhará, sem despesa alguma, um exemplar impresso de cada um dos meus romances já publicados: Xadrez e Corações em Fase Terminal. Ambos exemplares irão autografados e com marcadores.

Observações importantes:

A capa será usada apenas no formato digital, até a data em que o livro for publicado em formato impresso, e o criador da imagem vencedora terá que assinar um termo autorizando tal utilização.

A imagem ficará disponível em todas as redes sociais vinculadas ao meu trabalho de escritora, bem como ao meu blog e site.

O nome completo da pessoa responsável pela capa sairá no e-book, e constará no livro até a data em que ele for editado no formato impresso.

A capa pode ser feita em qualquer tamanho, desde que esteja em formato retangular e posição vertical. Ela deve conter o título do livro e o meu nome.

Serão aceitas imagens até dia 20 de maio de 2012 e o resultado será divulgado no mês de junho de 2012.

O mesmo participante pode enviar quantas capas quiser.

Será divulgada apenas a capa vencedora.

Sinopse do livro "A gente ama, a gente sonha":

Uma narrativa futurista, em que a população vê-se cercada de poluição, máquinas e redomas. Por um lado, as classes nobres conseguem proteger-se do céu alaranjado. Em contraposição, aqueles que preenchem as classes média e baixa estão à mercê do Maquinário (governo moderno) e de graves problemas respiratórios. Religião é algo extinto, assim como os sentimentos; árvores frondosas e diversas espécies da fauna são encontradas apenas nos museus naturais. E o que dizer dos sonhos? São controlados por máquinas, assim como tudo mais na sociedade. 

Nesse cenário, Vanessa, ou melhor, Nenê, encontra uma carta esperançosa de alguém que previa a destruição do seu mundo, mas que acreditava na cura do mesmo. Uma carta escrita há muitos séculos... No ano de 2012. A carta convida-a a repensar suas atitudes e as de seus semelhantes, ao mesmo tempo em que a leva a conhecer um novo mundo: Nenê, pela primeira vez, sonha sem programar a Máquina de Sonhos e, assim, acaba conhecendo um rapaz misterioso durante seu sono. 

Sem saber seu nome, ou sem ver sua face, Vanessa sabe que o ama e que deve fazer de tudo para encontrá-lo e, assim, resgatar valores perdidos pela humanidade. Em sua trajetória, ela tem que aprender a lidar com assuntos há muito tempo banalizados, como família, morte e amor. Um livro sobre robôs, sonhos, romance e, sobretudo, sobre a reinvenção do ser humano.

3 comentários:

  1. Muito legal da parte dela!!
    Mas não vou participar, sou um desastre com o PS, paint e tudo mais, kkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Hummm, acho que vou me aventurar no Photoshop. Não tenho uma experiência muito grande com o programa, mas depois vou fazer uns testes.

    Beijos!
    http://policialdabiblioteca.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Que legal essa ideia da autora hei...
    Poderia tentar! rsrsrsrs. Vou pensar no assunto!
    Gostei da novidade*
    Beijos :)

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.